Júlio Mardel (1855-1928)

150,00 € 177.68177.68 EUR


Adicionar ao Carrinho

Júlio Mardel (1855-1928)

"Marechal Duque de Saldanha; Conde de Lavradio D. Francisco; O Patriarca de Lisboa D. José III; Duque de Wellington; Lord Beresford."

Tinta da China e lápis sobre papel, nas duas faces.

Escrito e assinado por Thomaz de Mello Breyner: "Feito pelo Julio Mardel na minha Casa da Junqueira em 6 de Junho de 1898".

E, na outra face: "Feitos pelo Julio Mardel em S. Bartholomeu no dia 4 de Junho de 1898".

Dim.: 33 x 46 cm.
Não emoldurado.

Patrono do prémio "Júlio Mardel", da Academia de Belas Artes, de seu nome completo Júlio Carlos Mardel de Arriaga Velho Cabral da Cunha Godolphin, Genealogista, arqueólogo, poeta e humorista foi:
Secretário da Comissão de Monumentos Nacionais
Grã-Cruz da Ordem de D. Isabel I, "a Católica" de Espanha
Grã-Cruz da Ordem de St.ª Rosa das Honduras
Cavaleiro da Ordem de Malta
Membro do Instituto Heráldico Italiano, da Associação dos Escritores e Artistas Espanhóis e dos Arqueólogos Portugueses.

Sobre ele escreveu Thomaz de Mello Breyner:
"Júlio Mardel de Arriaga foi o quase lendário Júlio Mardel, um dos homens de mais espírito da sua geração, fidalgo, homem de sociedade, grande erudito e boémio cujas respostas cheias da melhor graça portugesa e filtradas pela sua esmeradíssima educação são matéria essencial da antologia do espírito em Portugal".

Integrou a colecção do Professor D. Thomaz de Mello Breyner, 4º Conde de Mafra (1886-1933), médico da Real Câmara.
Manteve-se até hoje na Família.
Para informação complementar ver a exposição biográfica " Um Conde entre os Lentes e um Lente entre os Condes" inaugurada no dia 28 de Setembro de 2016 no "Arquivo Nacional da Torre do Tombo".


Ref: 2016.5946

Partilhar