Texto Autógrafo do Actor Chaby Pinheiro (1873-1933) e Texto Autógrafo da Cantora La Goya (1891-1950)

Este lote já não se encontra disponível

Texto Autógrafo do Actor Chaby Pinheiro (1873-1933) e Texto Autógrafo da Cantora La Goya (1891-1950)


Texto Autógrafo do Actor Chaby Pinheiro (1873-1933)
Datado de Abril de 1924.
De ascendência Franco-Suíça, iniciou profissionalmente a sua carreira artística, na companhia teatral Rosas & Brasão no elenco da peça "O Tio Milhões" no Teatro Nacional D. Maria II. Na sua carreira participou em mais de 60 espectáculos como actor, dos quais encenou três:" O Amigo de Peniche" (1920) , "A Vida de um Rapaz Gordo" (1922) e "O Leão da Estrela" (1925).
O facto de ser obeso facultou-lhe particulares características de actor cómico. Em 1931 participou na revista "Xá Bi Tudo", com a qual terminou a sua carreira.

Texto Autógrafo da Cantora La Goya (1891-1950)
Em Castelhano.
Teve uma infância culta e cosmopolita. A sua carreira de actriz e cantora foi preenchida com actuações na América do Sul e em Barcelona, com destaque para as do "Teatro del Liceo", ao mesmo tempo que frequentava os salões literários e intelectuais de vários países, entre os quais, os de Lisboa fazendo amizade com José de Almada Negreiros (1893-1970) que lhe dedicou um expressivo retrato a tinta da China publicado no Diário de Lisboa nº 718, de 25 de Agosto de 1923.

Proveniência: Antiga colecção de Alda Sousa Bastos, filha da actriz Palmyra Bastos (1875-1967) e do dramaturgo e empresário teatral António de Sousa Bastos (1844-1911).

18,0 x 12,0 cm

Ref: 2017.7810

Partilhar