Raúl Perez Pintura P55 - A segunda vida do Luxo
Raúl Perez Pintura P55 - A segunda vida do Luxo
Raúl Perez Pintura P55 - A segunda vida do Luxo
Em Promoção

SKU:

Raúl Perez

Preço normal €1.500

RAÚL PEREZ (n.1944)
Sem Título
Técnica mista sobre papel
Assinado duplamente em espelho na base do trabalho e datado de 1984
Dim. mancha: 20x13,5cm
Dim. moldura: 60x50cm

Raúl Perez, nascido no Minho em 1944, realizou a sua primeira exposição aos 28 anos. Ligado à corrente surrealista portuguesa, em particular a Cruzeiro Seixas, Raúl Perez consegue incluir-se nesta continuidade e, simultaneamente, libertar-se dela. Com obras expostas na Galeria de São Mamede na década de 80 e 80, participou igualmente em diversas exposições organizadas pelo escritor e pintor Mário Cesariny.

O surrealismo é, evidentemente, uma referência estruturante na obra de Raúl Perez mas, com a chegada tardia desta corrente artística a Portugal, teve aqui uma expressão muito residual. Personagem polémica e contestada, Mário Cesariny acreditava que «a ausência de estruturação conferiu ao surrealismo português uma enorme vitalidade externa» e salientava que em Portugal nunca existira um movimento surrealista, nem mesmo no ano da existência pública do Grupo Surrealista de Lisboa. Este, após a publicação de quatro opúsculos, de uma manifestação pública e de uma exposição de pintura, acabou por se extinguir, dando lugar a um outro grupo que também desapareceria pouco depois. «O surrealismo português viveu e morreu, sem qualquer dúvida, clandestinamente.»

Raúl Perez é, evidentemente, herdeiro desta história, mesmo se enquadrando-se, antes de mais, nessa corrente outrora celebrada por André Breton, a da «arte mágica». Sonhos transformados em aparência e substância, as suas obras, simultaneamente inquietantes e perfeitas, assentam na materialização do enfeitiçamento.

Em 2006 a Fundação Cupertino de Miranda organizou a retrospectiva da sua obra plástica, em 2009; o Museu Berardo – CCB exibiu uma mostra de trabalhos seus e em 2015, a Fundação D. Luis I, em Cascais, inaugura a exposição «Fragmentos, Pintura e Desenho de Raúl Perez».